como surgiu o ziper

Publicado em 03/10/2016 às 15h46

Oficina de Costura Leopoldina e suas costureiras falam um pouco sobre o ziper e sua invenção.

Surgiu em 1893 para substituir os laços das botas de cano alto, mas só depois de dezessete anos surgiu o zíper moderno.

Foi o engenheiro e inventor americano Whitcomb Judson quem registrou em 1893 a primeira patente de um feixe tipo zíper, para substituir os laços das botas de cano alto.

costura e ziper

Era ainda um artefato rudimentar – uma seqüência de ganchos e furos. Talvez por isso, passou despercebido.

Dezessete anos passaram-se até aparecer o zíper moderno, obra do engenheiro sueco-americano Gideon Sundback.

Mas os primeiros fechos deram dor de cabeça: Não era fácil e fechar os colchetes e havia a necessidade de descosturá-los antes de lavar as roupas, para evitar a ferrugem.

Voce já imaginou o trabalho de costura e a quantidade de costureiras que seriam necessárias para costurar e descosturar estes zipers.

Essas dificuldades foram resolvidas com o uso de novos materiais nas zíper boots, criadas em 1923 pelo famoso fabricante de pneus B.F. Goodrich – o mesmo, por sinal, que cunhou o nome zípper, baseado no som que fazia ao fechar as suas botas de borracha.

Fonte: super.abril.com.br

Era uma vez: O zíper 

Em 1893, o americano W. Litcomb Judson patenteou um sistema de fecho que era feito de ganchos e fendas que se agarravam para abrir e fechar. Ainda era um esboço do que conheceríamos mais tarde como zíper.

Só em 1913, o sueco Teodoro Parejas que trabalhando nos Estados Unidos, desenvolveu as idéias de Judson e produziu um fecho semelhante só que sem os ganchos pontiagudos, usando no lugar “dentes” de metal. No começo, esse tipo de fecho era usado para bolsinhas que guardavam tabaco e dinheiro.

Depois e 1917 a marinha americana começou a fabricar casacos que usavam o zíper na frente.

Quem batizou o zíper de “zipper” foi B.G. Worth, baseado em modelos de fechos semelhantes usados em sapatos. A estilista Elsa Schiaparelli foi uma das primeiras a usar o zíper na moda, somente no início da década de trinta.

Hoje em dia não imaginamos nossas vidas sem esse artigo tão simples que nem prestamos atenção. Mas o que seria dos nossos jeans, sapatos, jaquetas, vestidos, bolsas… sem o zíper?

Oficina de Costura Leopoldina é especialista na colocação de troca de todos os tipos de zipers existentes no mercado, venha conhecer o serviço de costura de nossas costureiras.

Tags: costura, costureira, vila leopoldina

Enviar comentário

voltar para dicas da Linda

left show fwR|left tsN uppercase fwB|left show fwB fsN uppercase|bnull|||news fwB tsN fwR tsY c05|normalcase fwR c15 fsI|b01 c05 bsd|login news c10|tsN normalcase fwR fsI c15 b01 bsd|b01 normalcase bsd c05|content-inner||